Logo

Estudantes de 22 países estrangeiros estudam na BMU

08.10.2021 10:06 39 Reveja
IMG

O fortalecimento do reconhecimento da Baku Engineering University (BMU) na arena internacional tem atraído a atenção de cidadãos de diferentes países. Assim, cidadãos de novos países passaram a integrar as fileiras dos estudantes estrangeiros que estudam no ano letivo 2021/2022. Cidadãos do Iêmen, Paquistão, Sri Lanka, Sudão e outros países estão especialmente interessados ​​em estudar na BMU. Ao mesmo tempo, o fato de o ensino na universidade ser predominantemente em inglês e a disponibilidade de diversos programas de especialidades são as principais razões para esse crescente interesse. No total, alunos de 22 países estrangeiros estudam na BMU para obter os graus de bacharelado, mestrado e doutorado.

Além dos alunos que se inscrevem individualmente no BMU ou são admitidos na Central de Exames do Estado (SEC), também estudam os alunos inscritos no Bolsa Educação (TGP) e nos Programas de Educação Intergovernamental (IGP). De acordo com a decisão de fornecer bolsas educacionais para cidadãos da Organização de Cooperação Islâmica (OIC) e do Movimento Não-Alinhado (NAM) para o ensino superior na República do Azerbaijão, cidadãos dos estados membros relevantes que se inscreveram para o ensino superior em nosso país escolheu BMU. juntou-se às fileiras. Esses países incluem Marrocos, Angola, Namíbia e Benin. Além disso, um cidadão do Cazaquistão está estudando na universidade dentro do HTP.

O processo de admissão de estudantes estrangeiros à universidade é realizado pela comissão de admissão de estudantes estrangeiros. A comissão analisa a inscrição do aluno, verifica os documentos, conduz uma entrevista e, finalmente, toma uma decisão.

Deve-se observar que os alunos estrangeiros que se inscrevem no BMU recebem suporte adequado desde o primeiro dia. Eles são auxiliados na preparação de documentos e sua colocação após a chegada ao país e outros assuntos (coordenador - Narmin Gahramanli ([email protected]), especialista em relações exteriores e gestão de projetos da BMU).

Notícias